Saiba como vencer a timidez

Como vencer a timidez?

Embora a timidez ainda seja vista por algumas pessoas como uma característica que tem certo charme, no mundo de hoje ser tímido pode gerar dificuldades, já que uma das habilidades mais valorizadas atualmente é a capacidade de comunicação.

Como consequência, há certa desvalorização de comportamentos mais inibidos e reservados. Especialmente no mundo corporativo, onde a competição é grande e a capacidade de interação social é uma exigência para chegar a cargos de liderança, quem é tímido encontra algumas barreiras.

Por isso, o tímido geralmente escolhe carreiras nas áreas técnicas ou intelectuais, onde há menor necessidade de exposição social.

No campo relacional a pessoa tímida também enfrenta problemas quando, por exemplo, se sente insegura em convidar alguém que lhe interessa para sair ou evita expressar sua opinião pelo medo do julgamento dos outros.

Timidez. O que é?

Timidez, o que é e quais os sintomas

A palavra timidez deriva do latim, timeō, e significa medo.

A timidez se refere ao desconforto e tensão que uma pessoa vive em situações de interação social. Em outras palavras, é o medo experimentado por um indivíduo que o impede de interagir e se expressar com naturalidade.

Podemos dizer que a timidez é universal e natural, uma vez que quase todos nós sentimos certo temor do julgamento alheio. Dar uma palestra ou ir pela primeira vez à casa dos pais do namorado são situações que podem provocar timidez.

Mas, vencida a inibição do primeiro momento, a tendência é a superação e entrosamento com as demais pessoas.

Certo grau de timidez é benéfico e age como um mecanismo regulador, evitando que as pessoas se coloquem em situações inadequadas. Esse mecanismo impede que você, por exemplo, entre no quarto de alguém com quem não tenha intimidade, ou que vasculhe a geladeira da casa do colega de escritório em busca de uma cerveja, sem a autorização dele.

Estima-se que quase 50% da população mundial apresenta algum grau de timidez.

Então é benéfico ter certo grau de timidez em ocasiões específicas, mas existem pessoas que são tímidas.

Como se comporta a pessoa tímida?

Timidez, o que é, como lidar e como tratar

A pessoa tímida apresenta algum grau de dificuldade no convívio social, tem sempre a sensação de ser o centro das atenções e medo do julgamento alheio.

O tímido evita o contato visual, reluta em falar de si e é formal (enrijecido) em seus relacionamentos. Em situações sociais se sente inseguro e ansioso.

A timidez também provoca manifestações físicas como vermelhidão no rosto, gagueira, aceleração do batimento cardíaco, boca seca, sudorese, dentre outras. Os sintomas e a intensidade dos mesmos variam de pessoa para pessoa.

Apesar das dificuldades, o tímido consegue estudar, trabalhar ou ir a festas, porém em sala de aula dificilmente levantará a mão para responder a uma pergunta do professor e vai ficar ruborizado e gaguejar quando tiver que ler um texto.

Na empresa terá preferência por trabalhos que possa executar sozinho e na reunião de departamento ficará ansioso ao apresentar seu projeto. Irá a festas, mas não conseguirá desfrutar delas com leveza.

A timidez não é uma doença e não prejudica a ponto de impedir toda a dimensão social do indivíduo, mas pode empobrecer sua qualidade de vida.

Porém, se torna patológica quando o medo do contato social for intenso a ponto de provocar isolamento, bloqueios ou forte ansiedade. Aí, passa a chamar-se Fobia Social e dela trataremos em artigo específico.

Origem da timidez

O que é timidez? Quais as causas?

A timidez pode se manifestar desde a infância, mas costuma estabelecer-se na adolescência. Sua origem é multifatorial, podendo ser decorrente da educação familiar (abaixo), experiências sociais negativas (por ex. sofrer bullyng na escola por ser obeso ou muito magro), fatores culturais (por ex. a cultura japonesa onde a timidez é uma característica), etc.

Alguns fatores da educação familiar que podem ocasionar timidez:

  • pais tímidos e introvertidos – os filhos podem crescer com um padrão de socialização insuficiente;
  • pais que criticam em demasia – crianças que sofrem com atitudes de crítica excessiva ou desvalorização podem crescer com uma sensação de insegurança e inadequação e sentir o mesmo em seus relacionamentos sociais;
  • pais muito protetores e ansiosos – os filhos podem crescer inseguros para enfrentar situações sociais longe de casa, não sabendo como se comportar no ambiente externo;
  • pais muito rígidos e rigorosos – os filhos não encontram no ambiente familiar um clima propício para livre expressão de suas emoções, pois têm medo do julgamento dos pais. Sentem-se inseguros e tímidos e se comportam do mesmo modo nas relações sociais.

Como vencer a timidez

  • Quando a timidez atrapalha o relacionamento social, seja em uma criança, adolescente ou adulto, é preciso buscar ajuda.
  • Crianças e adolescentes necessitam que pais e professores identifiquem se a timidez está provocando algum tipo de isolamento e dificuldade de interação social.
  • Fazer terapia com um psicólogo(a) ajuda a criança ou adolescente a se conhecer e expressar seus sentimentos de forma adequada.
  • Aulas de oratória, teatro e dança auxiliam os adultos a superarem o problema, mas é na psicoterapia que a pessoa se conscientizará de suas dificuldades e de quais recursos internos precisará para lidar com elas.

 

Leia também em nosso Blog a diferença entre fobia e medo no artigo Fobia, O domínio do medo e em nossas Pílulas se você é uma pessoa Assertiva e Resiliente!

 

logo-1

 

email

You may also like